Pular para o conteúdo principal

A magia da pátina

* Post atualizado

Existem muitos tipos de pátina e eu não sou nenhuma entendida do assunto pra fazer um resumo sobre o tema mas esta técnica que eu utilizei há muito tempo atrás nestas duas peças é uma variação da pátina green que tenta criar o efeito de envelhecimento em peças de metal.

Tenho que contar que eu a-d-o-r-o pintar em gesso e, a cada dia acho mais difícil encontrar peças deste material para trabalhar. Já vi à venda pela internet com preços razoáveis mas imagina o custo do frete?!

Estas duas peças eu pintei, se não me engano, em 2004, me lembro bem a data: 4 de dezembro. Era feriado na minha cidade, aniversário da padroeira e, dias antes, eu me muni de inspiração, material e muuuuita coragem e pus a mão na massa: pintei as paredes da sala, quatro quadrinhos e as peças abaixo:

Pianha em gesso

Calendário asteca

*Este nome estranho aí, pianha, eu confesso que não conhecia. Não consigo me lembrar do nome que eu usava para ela então pedi ajuda pras amigas no Facebook e fui xeretar no Google até que encontrei pianha que eu insisto em chamar de pianca e que me lembra piranha. Mas é p-i-a-n-h-a.

Usei este título para o post, "a magia da pátina" porque é muito fácil de fazer e o efeito é surpreendente. E sabe o que mais? As duas peças tiveram exatamente a mesma base: latéx branco e tinta acrílica laranja claro. O que faz a diferença entre uma e outra é a cor da tinta a óleo que apliquei sobre as peças, depois de secas: branco nas pianhas e marrom no calendário asteca. Aplique a tinta com um pincel de cerdas firmes, pra que a tinta entre em todos os veios e, em seguida, limpe com um pano macio. Faça este processo em áreas pequenas assim a tinta não penetra tanto na peça.

Estas duas peças ficavam numa parede azul escuro e as pianhas sustentavam, a princípio, vasinhos de hera e depois, vasinhos com inspiração tribal.

Não é lindo?? E você, não tem uma peça em gesso ai, esperando pra ser pintada ou repintada? Toma coragem e aplica a pátina numa noite ou numa tarde de fim de semana. Agora, se não tiver mesmo com vontade ou inspiração, pode mandar pra mim que eu vou ficar muito feliz =) #caradepau

Beijos e muito obrigada pela visita.



* Estava lendo alguns posts do blog e encontrei este post onde eu mostro algumas coisas que fizemos no aniversário de 8 anos da Lu e encontrei lá a parede onde ficavam as peças acima.


Se você olhar atentamente atrás da TV com neve, dos bichinhos de pelúcia e abaixo dos cristais de gelo, na parede azul, vai ver o calendário asteca e as pianhas. Viu?

Comentários

  1. Que trabalho lindo esse seu, menina!
    Acho que você deveria se arriscar no preço do frete e comprar as peças de gesso que encontrou e pintar muito. Não é qualquer um que faz um trabalho tão perfeito assim. Acho que você deve ir em frente com esse dom que Deus te presenteou.
    Beijo! :-)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixa um comentário! Adoro quando vocês interagem com o blog.

Postagens mais visitadas deste blog

Como descolar espelho de embalagem de pó compacto

Post rapidinho para compartilhar uma coisa que queria saber faz tempo e que aprendi agora.

O que você faz quando seu pó compacto acaba? Joga a embalagem fora?
Eu jogo a parte de baixo mas a tampa com o espelho eu guardo porque dá pra fazer tanta coisa legal com espelhos. O problema é que eu não sabia como descolar o espelho da tampa de plástico.

Iogurtes Infinitos, quase dois meses depois

Faz 53 dias que iniciei a saga dos iogurtes infinitos. Como eu imaginava que aconteceria, chegou um ponto em que ficou insustentável cultivar 11 tipos de iogurtes diferentes, fazer a troca todos os dias, cuidar dos copos e talheres usados e ainda, consumir todos eles... ufa!

Mas não pensem vocês que eu desistiuyj7. Separei dois deles para cultivo, greek e colágeno, que são os mais suaves, e congelei os demais, em saquinhos de sorvete.

Recentemente uma leitora do Luka Luluka no Instagram me perguntou sobre o viili, então eu descongelei este também e estou usando os três. Em comparação ao greek e ao colágelo, o viili é mais azedinho. Eu gostei. E a consistência dele é linda, bem cremosa.

Enquanto cultivava os 11 iogurtes, com a correria do dia a dia, eu não estava conseguindo observar a diferença entre eles e a característica de cada um. Com o uso de dois ou três iogurtes, produzindo cerca de 50 a 100 ml de iogurte ao dia de cada um, fica mais sustentável o cultivo e a observação.

Quand…

Espalhe amor em seu blog!

O Luka Luluka foi criado há 4 anos e alguns meses atrás, fruto de minha vontade de me expressar e de compartilhar meus trabalhos e ideias. O desejo de torná-lo real vinha de muito antes mas foi a mudança de cidade - longe da família e dos amigos - que provocou reflexões e também ações, e permitiu a criação deste blog - e projeto - que eu tanto amo.

Esta postagem participa da blogagem coletiva proposta pela Elaine Gaspareto em parceria com a Divitae e a ideia é fazer um post mostrando como você espalha amor por aí: pode ser alguma coisa que você faça, uma história, o formato é livre, só tem que ser feito com muito amor.


Quando eu crio alguma coisa, só o faço porque sinto amor. Porque desejo de verdade. Tenho este preceito. Só faço quando posso, quando quero e realmente desejo. Porque linha industrial não combina com arte.

Quando reutilizo algum material que iria para o lixo, o faço porque sinto amor por nossa mãe Terra.



Recentemente virei ciclista. Não estilo corredora radical, mais pr…