Pular para o conteúdo principal

Falso sorvete ou pirulito de biscoito

Pois é, Luka Luluka também tem cozinha. E a gente vive inventando artes por lá também. Esta receitinha simples é sucesso garantido entre as crianças, já fiz em festas de aniversários e em kits de Páscoa para presentear os sobrinhos.


Quer aprender?

Você vai precisar de:
  • 1 pacote de biscoitos de maizena
  • palitos de sorvete
  • leite condensado, 3 colheres (sopa) chocolate em pó e 1 colher (sopa) de margarina para o brigadeiro
  • 1 barra de chocolate de sua preferência (usei meio amargo)

Sabe fazer brigadeiro de microondas? Não? Te ensino, é facinho:
Num refratário alto, coloque o leite condensado, o chocolate em pó e a margarina e misture. Leve ao microondas em três sequências de 2 minutos cada, tirando do microondas com cuidado e misturando a cada sequência. Terminado, misture, raspe as bordas e deixe esfriar fora da geladeira: quente ou morno amolece o biscoito e gelado dificulta o manuseio.


Pronto o brigadeiro, vamos rechear os biscoitos.

Mas antes prepare uma ou mais superfícies para colocar os pirulitos prontos. Tem que ser uma superfície reta, pode ser uma tábua de corte (!) ou o verso de uma assadeira. Forre a superfície escolhida com filme de pvc, assim não tem drama na hora de desgrudar o chocolate. Por isso pode ser a tábua de corte, ela vai estar forrada, entende? :)

Com uma espátula, espalhe uma porção de brigadeiro num biscoito. Não coloque muito para não escorrer. Coloque o palito sobre o brigadeiro e vire-o para que cole do outro lado.



Repita o processo até acabar os biscoitos.

Agora vamos ao chocolate. Sabe preparar chocolate no microondas? Não também? Mais fácil que brigadeiro:
Num refratário, coloque o chocolate quebrado e leve ao microondas por 20 segundos. Retire e misture para espalhar o calor. Mais 20 segundos e já deve estar pronto: misturando, as partes ainda em pedaços derretem-se com o calor. Este tempo varia de acordo com a potência do aparelho. Se precisar, volte ao microondas de 10 em 10 segundos mas não deixe passar do ponto senão o chocolate não endurece mais.

Depois de misturado, deixe esfriar: colocando uma pequena (eu disse PEQUENA) porção de chocolate no lábio inferior, a sensação térmica deve ser de frio. Vá misturando de vez em quanto e, se quiser acelerar o processo, coloque o refratário em uma vasilha com água fria. Só não pode derrubar água no chocolate senão já Elvis.


Chocolate frio, chegou a hora de cobrir os biscoitos. Segurando pelo palito, coloque o biscoito dentro da vasilha do chocolate e passe chocolate pelo biscoito, retirando o excesso com uma colher. A parte a ser coberta você decide: pode cobrir todo ele como eu fiz na foto abaixo, colocar só na ponta ou num dos lados.

Pra ficar mais simpático, mergulhe a ponta do pirulito em chocolate granulado ou cacau em pó.

Leve à geladeira de um dia para o outro, se conseguir, ou, ao menos, por uma hora.

Abaixo, os dois primeiros, pra esfriar logo e matar a vontade da galerinha aqui.


Se for fazer para um aniversário ou para presentear, depois de pronto, retire da geladeira e deixe um tempo descansando para perder a umidade e então embrulhe com filme de pvc depois decore como quiser: fitinhas, adesivos, whatever.

Que tal? Acha que dá trabalho? Não dá não, você faz em uma hora e garante a alegria da criançada.

San

Comentários

  1. Olá...
    Que belo aspecto e delicioso :)...Vou tirar 1 ;)... Adorei :).. Bjokas..

    http://nacozinhadaleonor.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Espero ser tão simples quanto parecem, eu acho que é sempre mais fácil fazer essas coisas muito bem desenvolvidos receitas. Sempre acho que é por isso que o restaurantes em jardins

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixa um comentário! Adoro quando vocês interagem com o blog.

Postagens mais visitadas deste blog

Como descolar espelho de embalagem de pó compacto

Post rapidinho para compartilhar uma coisa que queria saber faz tempo e que aprendi agora.

O que você faz quando seu pó compacto acaba? Joga a embalagem fora?
Eu jogo a parte de baixo mas a tampa com o espelho eu guardo porque dá pra fazer tanta coisa legal com espelhos. O problema é que eu não sabia como descolar o espelho da tampa de plástico.

Iogurtes Infinitos, quase dois meses depois

Faz 53 dias que iniciei a saga dos iogurtes infinitos. Como eu imaginava que aconteceria, chegou um ponto em que ficou insustentável cultivar 11 tipos de iogurtes diferentes, fazer a troca todos os dias, cuidar dos copos e talheres usados e ainda, consumir todos eles... ufa!

Mas não pensem vocês que eu desistiuyj7. Separei dois deles para cultivo, greek e colágeno, que são os mais suaves, e congelei os demais, em saquinhos de sorvete.

Recentemente uma leitora do Luka Luluka no Instagram me perguntou sobre o viili, então eu descongelei este também e estou usando os três. Em comparação ao greek e ao colágelo, o viili é mais azedinho. Eu gostei. E a consistência dele é linda, bem cremosa.

Enquanto cultivava os 11 iogurtes, com a correria do dia a dia, eu não estava conseguindo observar a diferença entre eles e a característica de cada um. Com o uso de dois ou três iogurtes, produzindo cerca de 50 a 100 ml de iogurte ao dia de cada um, fica mais sustentável o cultivo e a observação.

Quand…

Espalhe amor em seu blog!

O Luka Luluka foi criado há 4 anos e alguns meses atrás, fruto de minha vontade de me expressar e de compartilhar meus trabalhos e ideias. O desejo de torná-lo real vinha de muito antes mas foi a mudança de cidade - longe da família e dos amigos - que provocou reflexões e também ações, e permitiu a criação deste blog - e projeto - que eu tanto amo.

Esta postagem participa da blogagem coletiva proposta pela Elaine Gaspareto em parceria com a Divitae e a ideia é fazer um post mostrando como você espalha amor por aí: pode ser alguma coisa que você faça, uma história, o formato é livre, só tem que ser feito com muito amor.


Quando eu crio alguma coisa, só o faço porque sinto amor. Porque desejo de verdade. Tenho este preceito. Só faço quando posso, quando quero e realmente desejo. Porque linha industrial não combina com arte.

Quando reutilizo algum material que iria para o lixo, o faço porque sinto amor por nossa mãe Terra.



Recentemente virei ciclista. Não estilo corredora radical, mais pr…