Pular para o conteúdo principal

Música da Minha Vida - Better Days

Não me lembro mais se primeiro li ou assisti Comer Rezar Amar. O livro é cheio de frases inspiradoras e a beleza do filme são as paisagens maravilhosas, a interpretação e o sorriso cativante da Julia Roberts. Não gostei muito do final, para ser sincera, mas, de qualquer forma, este é um livro marcante na minha vida: a busca de uma mulher por si mesma, para se encontrar.

A capa original do livro, em inglês, e sua versão pós filme

Uma cena marcante no filme é a de Julia Roberts andando de bicicleta pela paisagem campestre de Bali. É essa cena que inicia o clip de Better Days, uma das músicas da trilha sonora do filme.


Eu a-m-o o Eddie Vedder. Solo mais que no Pear Jam. Ele é uma pessoa maravilhosa e a voz dele, pra mim, soa como a voz de um anjo. Grave e suave e envolvente.

Se eu tivesse que escolher uma única música para ser a trilha sonora da minha vida, seria Better Days.




Este post faz parte da blogagem coletiva Músicas da Minha Vida do blog O Tacho da Pepa.


Vamos conhecer juntos as músicas e as histórias das outras participantes?

Virgínia  - O Tacho da Pepa
Chica    -   Lugares, Recordações e Coisinhas...
Dalva    -   Pinceladas Papo  e Poesia
Karine  -   Olha o que eu sei fazer!
Eliane   -   Casinha da Eliane
Nice      -   Ipsis Litteris



Abraços,

San

Comentários

  1. Esse filme teve fotografias lindas e a música vale a pena!Gostei! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Oi Sandra, eu li o livro, não lembro de ter assistido o filme, não tinha ouvido essa música, gostei, é tranquila, lembra um passeio de bicicleta.
    Acho que vou assistir o filme.
    Boa semana, beijos,Vi

    ResponderExcluir
  3. Oi San! Adorei sua escolha, a dica do filme e a voz do Eddie, amei o que você disse dele, acho que de todos os cantores vivos ele tem a voz que mais penetra em minha alma. O clipe é lindo!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Music connects people around the world. I just downloaded the ringtone for my phone in Tonos de iphone. Here comes lots of iPhone ringtones and Android ringtones

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixa um comentário! Adoro quando vocês interagem com o blog.

Postagens mais visitadas deste blog

Como descolar espelho de embalagem de pó compacto

Post rapidinho para compartilhar uma coisa que queria saber faz tempo e que aprendi agora.

O que você faz quando seu pó compacto acaba? Joga a embalagem fora?
Eu jogo a parte de baixo mas a tampa com o espelho eu guardo porque dá pra fazer tanta coisa legal com espelhos. O problema é que eu não sabia como descolar o espelho da tampa de plástico.

Iogurtes Infinitos, quase dois meses depois

Faz 53 dias que iniciei a saga dos iogurtes infinitos. Como eu imaginava que aconteceria, chegou um ponto em que ficou insustentável cultivar 11 tipos de iogurtes diferentes, fazer a troca todos os dias, cuidar dos copos e talheres usados e ainda, consumir todos eles... ufa!

Mas não pensem vocês que eu desistiuyj7. Separei dois deles para cultivo, greek e colágeno, que são os mais suaves, e congelei os demais, em saquinhos de sorvete.

Recentemente uma leitora do Luka Luluka no Instagram me perguntou sobre o viili, então eu descongelei este também e estou usando os três. Em comparação ao greek e ao colágelo, o viili é mais azedinho. Eu gostei. E a consistência dele é linda, bem cremosa.

Enquanto cultivava os 11 iogurtes, com a correria do dia a dia, eu não estava conseguindo observar a diferença entre eles e a característica de cada um. Com o uso de dois ou três iogurtes, produzindo cerca de 50 a 100 ml de iogurte ao dia de cada um, fica mais sustentável o cultivo e a observação.

Quand…

Espalhe amor em seu blog!

O Luka Luluka foi criado há 4 anos e alguns meses atrás, fruto de minha vontade de me expressar e de compartilhar meus trabalhos e ideias. O desejo de torná-lo real vinha de muito antes mas foi a mudança de cidade - longe da família e dos amigos - que provocou reflexões e também ações, e permitiu a criação deste blog - e projeto - que eu tanto amo.

Esta postagem participa da blogagem coletiva proposta pela Elaine Gaspareto em parceria com a Divitae e a ideia é fazer um post mostrando como você espalha amor por aí: pode ser alguma coisa que você faça, uma história, o formato é livre, só tem que ser feito com muito amor.


Quando eu crio alguma coisa, só o faço porque sinto amor. Porque desejo de verdade. Tenho este preceito. Só faço quando posso, quando quero e realmente desejo. Porque linha industrial não combina com arte.

Quando reutilizo algum material que iria para o lixo, o faço porque sinto amor por nossa mãe Terra.



Recentemente virei ciclista. Não estilo corredora radical, mais pr…